3 mudanças na Educação Infantil para 2020, de acordo com a BNCC

Se você ainda não está ciente sobre as mudanças previstas para 2020 na educação infantil, agora é a hora de descobrir um pouco mais sobre o assunto. Aqui é apenas um resumo com algumas mudanças que merecem ser divulgadas para todos os envolvidos: pais, alunos e educadores. Estas regras são orientadas pela BNCC (Base Nacional Comum Curricular), um documento que garante os direitos de aprendizagem de todos os estudantes brasileiros.

1- Componentes curriculares

A mudança da BNCC detalha os direitos de aprendizagem para a Educação Infantil (crianças de 0 a 4 anos e 11 meses) e Ensino Fundamental (alunos do 1º ao 9º ano).

Dentre as mudanças, foram separados os “componentes curriculares”: 

Linguagens;

Matemática;

Geografia;

História;

Ciências.

2- O que alunos precisam aprender

A Base Nacional Comum Curricular apresentou 11 competências que os estudantes terão o direito de adquirir ao longo de toda a educação básica e que precisam ser fornecidos e estimulados no ambiente escolar. Conheça:

Autonomia e responsabilidade para tomar decisões comprometidas com o bem-estar comum;

Argumentação com base em fatos concretos, em nome da defesa do ser humano e do meio ambiente;

Compreensão da realidade por meio dos conhecimentos historicamente construídos;

Compreensão e uso crítico das tecnologias digitais;

Autoestima e cuidados com a saúde;

Desenvolvimento do senso estético por meio da arte e da cultura;

Compreensão de capacidades relacionadas ao mercado de trabalho;

Empatia, diálogo e convivência com pessoas dos mais diferentes grupos sociais;

Curiosidade para buscar soluções por conta própria;

Uso das linguagens (verbal, científica, tecnológica ou digital) para se expressar e trocar informações;

Formação Integral (formação do ser humano em todos os aspectos).
 
3- Campos de experiência

Outras orientações importantes dizem respeito ao planejamento pedagógico inteligente que apoie e garanta os direitos de aprendizagem do aluno. Os “campos de experiência” determinam e norteiam os métodos de aprendizado, para que o estudante possa ter mais tempo, espaço e liberdade pessoais para se expressar. Nesta etapa, a BNCC define cinco campos de experiência para a Educação Infantil:

O eu, o outro e o nós;

Corpo, gestos e movimentos;

Traços, sons, cores e formas;

Escuta, fala, pensamento e imaginação;

Espaço, tempo, quantidades, relações e transformações.

Com toda certeza, as mudanças representam um desafio para a escola e para os educadores, entretanto, é possível identificar o interesse genuíno de criar um padrão educacional que funcione e seja completo para as crianças. Afinal, a educação de excelência continua sendo prioridade em todos os aspectos. 

Qual a sua opinião sobre as mudanças? Concorda? Discorda? Fala pra gente!

📞 (84) 3653-9787
📍 Endereço: Rua Bom Pastor, 117 – Bom Pastor, Natal – RN, 59062-257
👋 Instagram

Fonte: Educação Infantil AIX 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *